Artigos

Um estudo menciona os benefícios da acupuntura na fibromialgia

A acupuntura é uma terapia de medicina alternativa cuja validade científica não foi comprovada. O dilema é que, de acordo com dados de um recente estudo publicado no Acupuncture in Medicine, British Medical Journal, 90% dos pacientes com fibromialgia, em algum momento recorrem a terapias alternativas. Esta doença, que sofrem 1 de cada 20 pessoas, a nível mundial, caracteriza-se por dor crônica, fadiga, distúrbios de sonhos e ou depressão.
O objetivo da pesquisa, liderada por Jorge Vai, doutor em Medicina pela Universidade de Málaga, médico acupunturista no Centro de Saúde de Duas Irmãs (Sevilha) e responsável pela Unidade de Tratamento da Dor, era saber se um tratamento personalizado de acupuntura poderia produzir algum efeito. Para isso, ele convocou 162 voluntários, todos diagnosticados com fibromialgia e os dividiu em dois grupos. Para alguns, aplicou-se um tratamento simulado de acupuntura e o restante do grupo, o real. Ao longo de dois meses, em sessões semanais de 20 minutos, os voluntários receberam esta medicina alternativa, enquanto continuavam a tomar a medicação que tinham aquele que lhe foi prescrito.
Então, ele realizou um questionário ao fim de 10 semanas, 6 meses e um ano após o fim do tratamento, para saber se as dores se haviam reduzido. Os resultados mostraram que no grupo de “falsa acupuntura”, os voluntários assinalavam uma diminuição de dores de 27% a 10 semanas e 6% ao ano. Enquanto que no outro grupo, os números eram de 41 e 20%, respectivamente.
Para os autores “a acupuntura personalizada provou ser eficaz em casos de fibromialgia ao reduzir as dores e melhorar a qualidade de vida dos pacientes. (…) O conflito de resultados entre este estudo e anteriores pode dever-se a aplicar acupuntura padrão, em vez de “personalizado”.
O estudo foi financiado pelo Ministério da Saúde, Serviços Sociais e Igualdade e pela Secretaria de Saúde da Junta de Andaluzia.
Tendo em conta que 5% da população sofre de fibromialgia, um universo estatístico de 162 pessoas, na verdade 153 completaram o estudo, não é suficiente para afirmar os efeitos benéficos da acupuntura e, para confirmar seus efeitos também deve poder ser repetido por outros especialistas e que obtenham os mesmos resultados.
Trata-Se de uma investigação realizada em Portugal

You Might Also Like